31° 24° Manaus, AM
20/09/2012 - 19h31

Em entrevista à Amazonas FM, Pauderney diz que Manaus precisa de ordem

O candidato à Prefeitura de Manaus, Pauderney Avelino (Democratas), foi o entrevistado do dia, nesta quinta-feira (20/9), do programa “Em Cima da Notícia”, na rádio Amazonas FM 101,5 (20/9). A participação dele fez parte da série de entrevistas que a rádio realizou. Ele foi o último a ser entrevistado. Durante uma hora, Pauderney falou de projetos e respondeu a perguntas de jornalistas.

De largada, o prefeiturável respondeu porque quer ser prefeito: “Vários motivos me trazem para essa candidatura. Ao longo do tempo, a gente percebe que entra prefeito e sai prefeito, mas o rosário de problemas continua. É preciso dar um basta no caos. O problema de Manaus não é falta de dinheiro, é falta de compromisso”, disse ele.

Durante a entrevista, o democrata respondeu sobre saúde, tapa buracos, mobilidade urbana, calçadas, Copa do Mundo, camelôs, segurança pública, esporte, política para mulheres, educação, infraestrutura e infância. Sobre saúde, o candidato afirmou que pretende melhorar o Sistema de Regulação e de Identificação do Usuário (Sisreg) que, segundo ele, não funciona e gera longas esperas por exames, de até 1 ano. A proposta dele para a área, se eleito, é modernizar o sistema, atualizando e treinando pessoa para atendimento. Dentro do tema também está o programa “Vai e Volta com Saúde”, que disponibilizará transporte para pessoas com dificuldade de locomoção, que terão consultas e exames agendados e terão vans ou ônibus que os levem de casa até as unidades, e das unidades para casa.

O prefeiturável foi bem firme em algumas ideias para colocar ordem na capital, como consertar as ruas da cidade nos primeiros 100 dias de governo. “Não é promessa, vou fazer”. Sobre asfaltamento, Pauderney lembrou que a Prefeitura contrata serviço de primeira qualidade, paga por ele, mas o que está nas ruas é péssimo: “Vamos contratar empresas para fiscalizar esse serviço. Isso economiza dinheiro público, porque teremos a garantia do serviço que foi licitado e deve ser executado”.

Será de responsabilidade da Prefeitura, na gestão do democrata, o ordenamento das calçadas, que hoje é responsabilidade do dono do imóvel. “Eu desafio qualquer pessoa a andar livremente pelas nossas calçadas 100 metros. Imagine como é que é para um cadeirante? É um absurdo, tem lixeira no meio, mureta, escada, até fossa nas calçadas. Vamos padronizar e devolver as calçadas para os pedestres”.

A entrevista contou com participação de jornalista do grupo Rede Amazônica, como Portal Amazônia e G1, que fizeram perguntas sobre os camelôs no Centro. Pauderney repetiu que dará atenção especial a esses trabalhadores, que sustentam suas famílias, tratando-os com humildade e carinho. A proposta é criar o Shopping Manaus Moderna para abrigar mais de 1.000 ambulantes, que serão retirados da rua e indenizados conforme o projeto for avançado pelas quadras do Centro. Quem for saindo vai sendo indenizado, para poder se capitalizar e virar empreendedor, com suporte do Sebrae-AM, a quem Pauderney buscará como parceiro na empreitada.

Esportes

Com base nos programas de rádio do democrata, no horário eleitoral gratuito, Pauderney falou ainda sobre políticas para esporte e lazer. Ele anunciou que fará a reforma e revitalização dos 144 campos de futebol espalhados pela capital e que corrigirá as distorções, como na Zona Leste, segunda área mais populosa da capital e que conta com apenas sete (7) campos. Após a reforma, a Prefeitura vai construir novos espaços. “Também vamos recuperar as mini-vila olímpicas e os campos society, estimulando o esporte nos bairros. Mas nas escolas, onde deveria começar a prática, nas aulas de educação física, muitas sequer têm uma quadra descoberta. As crianças fazem educação física improvisada, no pátio. Isso precisa mudar”.

Para as crianças, Pauderney falou que pretende levar o projeto “Cidade da Criança”, construído no Aleixo, para outras zonas da capital. “Tem várias ações da atual administração que merecem aplausos, como essa ‘Cidade da Criança’, a Carreta da Mulher, o Bolsa Universidade. Vamos fazer seis ‘Cidades da Criança’ em todas as zonas da cidade para que as crianças possam ter um local de divertimento”, afirmou. A utilização de espaços obsoletos e degradados para a criação de parques, Academias ao Ar Livre e praças públicas nos bairros também estão entre as metas, segundo ele.
Durante a entrevista, o prefeiturável pôde explicar melhor aos ouvintes da Amazonas FM como funcionarão as Subprefeituras na sua gestão. O projeto vai permitir que o poder municipal fique mais próximo da população e que os problemas sejam resolvidos com mais rapidez. “Serão seis, exatamente para que eu possa estar em casa região da cidade uma vez por semana, onde vamos estar mais próximos dos problemas da população para agir com soluções”, explicou.
Questionado sobre como a Prefeitura vai auxiliar o Estado a resolver os problemas de segurança pública, ele disse que vai transformar a Guarda Municipal em Polícia Municipal. “Vou tomar atitude como nenhum outro prefeito tomou até agora. Exatamente, transformar a Guarda Municipal em Polícia Municipal. A legislação Federal de Segurança Pública prevê que cidades acima de 500 mil habitantes possam ter essa guarda armada, para dar apoio à Polícia Militar. Nós vamos contratar policiais, vamos treinar policiais, equipar e armar para que eles possam dar segurança para o cidadão”, disse. O candidato afirmou ainda que o trabalho será feito em conjunto com o programa “Ronda no Bairro”. Ele garantiu que postos de saúde, escolas e ruas terão policiamento no mandato dele.

Terrenos baldios

Um tema pouco explorado em debates e entrevistas, a existência de terrenos baldios servindo de covil para bandidagem, foi assunto da entrevista. Pauderney quer usar algumas áreas, que serão desapropriadas, como espaços de lazer e Academias ao Ar Livre. “Onde não for feito isso, vamos aplicar o IPTU progressivo. Se o terreno for usado para especulação, vai ter o IPTU mais caro, assim vamos evitar que o terreno baldio seja covil de bandidos e que sirva para fazer esconderijo”.

Sobre políticas para as mulheres, o prefeiturável foi bem humorado no ar: “Quero dizer que tenho uma preferência especial pelas mulheres, mas isso não quer dizer que os homens não vão ter políticas próprias, mas vamos cuidar das mulheres”, comentou. Ele lembrou que em Manaus morrem 4 vezes mais gestantes do que o aceito pela Organização Mundial da Saúde (OMS) por falta de exames. Como proposta, o democrata vai fornecer exames pré-natais indicados pela OMS na rede pública, pelo menos sete consultas. “Vou construir as creches necessárias, para que as mães possam ter local seguro para deixar as crianças. Vamos manter o ‘Leite do Meu Filho’, que é um programa muito interessante. Vamos fazer as Clínicas de Especialidades com obstetras, com médicos ginecologistas, para que as mulheres possam ter atendimento médico adequado”, disse. Ele defendeu ainda a criação de oportunidade para as mulheres no mercado de trabalho, com qualificação e empreendedorismo.
Sobre educação municipal, o prefeiturável garantiu que investirá 30% de tudo o que a Prefeitura arrecadar, melhorando infraestrutura e salário dos professores. “Vamos dar uma atenção especial para as crianças, com as creches, a pré-escola, inclusive criando um currículo próprio e unificado para toda a rede do ensino fundamental, que é um problema em todo o Brasil. Vamos pagar melhor os professores, vamos fazer escolas mais adequadas, de melhor qualidade, construir os ginásios junto às escolas, iiniciar o processo das escolas de tempo integral”. As melhorias ainda incluem merenda escolar e reforço.

Finalizando a entrevista, Pauderney disse que pretende enxugar a máquina: “É impossível governar com quase 40 secretarias e administração direta e indireta. A prioridade não é criar secretarias e dá empregos para apaniguaados políticos. A prioridade é fazer com que os programas funcionem, colocar as pessoas certas, no lugar certo”.

 

Obs: Texto de responsabilidade da assessoria de imprensa do candidato

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Facebook